NOTÍCIA


Crédito: Prefeitura de Várzea Grande

Moradia popular - ilustração

EM FOCO - POLÍTICA

Governo de MT retoma construção de mais de mil moradias populares


VÁRZEA GRANDE - O Governo de Mato Grosso em parceria com a Caixa Econômica Federal e a Prefeitura Municipal de Várzea Grande assinou o contrato de retomada de obras de 1.424 apartamentos populares do residencial Santa Bárbara, na região do bairro Cristo Rei. O evento aconteceu no salão Garcia Neto, no Palácio Paiaguás, nesta quarta-feira. As novas moradias vão beneficiar 5.696 várzea-grandenses e somam investimentos de R$ 88 milhões, provenientes dos governos Estadual e Federal.

As unidades habitacionais em construção fazem parte do programa “Minha Casa, Minha Vida - Faixa I”, do Governo Federal, voltado a famílias com renda de até R$ 1,8 mil mensais. Os apartamentos possuem dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Cada um custará entre R$ 80 a R$ 180 por mês aos moradores.

No total, serão finalizadas 89 torres com 16 apartamentos cada. A Construtora Irmãos Lorenzetti LTDA será a responsável pela conclusão dos trabalhos no prazo de 24 meses. O investimento do Estado, por meio da Secretaria de Estado das Cidades (Secid-MT), atinge R$ 8,5 milhões. A fiscalização da obra também ficará a cargo da pasta.

Na assinatura do contrato, o governador do Estado, Pedro Taques, lembrou que a retomada da obra do residencial significa a geração de cerca de três mil novos empregos diretos, o que contribuirá com aquecimento da economia do município. “Aproximadamente três mil famílias vão aumentar suas rendas. É retomada de emprego, que é muito importante para Mato Grosso, nesse período de crise em que passa o Brasil. Isso significa movimentação no comércio e dinheiro na praça. Quero agradecer a Caixa Econômica Federal e a Prefeitura de Várzea Grande e dizer que estamos juntos para mais parcerias como essa”, enfatizou.



De acordo com a secretária das Cidades, em exercício, Juliana Ferrari, a retomada do residencial expõe a transformação diária do estado de Mato Grosso. Ela ressalta ainda, a importância de parcerias que beneficiam a população. “É uma satisfação enorme trabalhar em conjunto com a prefeitura de Várzea Grande e Caixa Econômica Federal e gerar bons resultados como esse, que beneficiará muitas famílias com baixa renda. Nós enxergamos diariamente a transformação do nosso Estado. Exemplo disso é retomada da construção do residencial Santa Bárbara, em que cada pai de família terá a vida transformada ao receber uma moradia digna”, disse.

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, agradeceu a dedicação do Governo de Mato Grosso, que realizou gestão junto ao Ministério das Cidades para retomada das 1.424 unidades habitacionais. “Estou muito agradecida ao Governo do Estado pela dedicação a Várzea Grande. Estamos muito felizes, pois essa obra está sendo retomada com responsabilidade e trará mais dignidade a nossa cidade, abrandando parte da necessidade dos várzea-grandenses”, comemorou a prefeita.

Também presente na cerimônia de assinatura do contrato, o superintendente da Caixa Econômica Federal em Mato Grosso, Moacyr do Espírito Santo, disse que os investimentos do Governo Federal no residencial Santa Barbara somente são possíveis porque o Governo tem contribuído com contrapartidas. “O governador Pedro Taques tem a sensibilidade de olhar aos que mais precisam. Serão mais de cinco mil pessoas abrigadas em apartamentos construídos com qualidade. A Caixa está muito feliz em retomar essas e outras milhares de unidades habitacionais em Mato Grosso, e principalmente nos alegramos em poder contar com esse governo parceiro em todas as ações”, disparou o superintendente.

Habitação

O programa ‘Minha casa, Minhas Vida’, com investimento do Governo do Estado está presente em 99 municípios mato-grossense. Somente em 2017 o governo de Mato Grosso já entregou 3.647 unidades habitacionais, que significa mais de 14 mil pessoas morando em casa própria. Os investimentos, por meio da Secid-MT são de R$ 13,7 milhões.

Além disso, foram retomadas a construção de outras 4 mil moradias, nos municípios de Cuiabá, Campo Novo dos Parecis, Rondonópolis, Sinop e Várzea Grande, que totalizam mais R$ 10,5 milhões aplicados. Até o fim de 2018, o Governo do Estado, via Secid, espera superar a marca da 12 mil unidades habitacionais entregues.

(Fonte: Notícias públicas do Estado de Mato Grosso)


Mais...
ComentarTirar
Dúvida
Seguir
Por
E-Mail
Ver
Mais
Notícias
Captar
Mais
Obras

PUBLICAÇÃO DE 14 DE NOVEMBRO DE 2017


Ver mais notícias


Compartilhar

Tags  em foco, política, gov. mt, várzea grande, mt, brasil, edificações


Pesquisar na CNC e na ConVisão

Seguir a CNC nas redes sociais

        

  © ConVisão | Desde 1991